Segunda-feira
10 de Agosto de 2020 - 

Controle de Processos

Insira seu usuário e senha para acesso ao software jurídico
Usuário
Senha

Notícias

Newsletter

Cadastre-se e receba informações atualizadas da sua área de interesse
Seu nome
Email

INSTITUCIONAL: Produtividade na Justiça Federal no Tocantins ultrapassa a marca de 26 mil processos julgados no período de trabalho remoto

De 18 de março a 1º de julho deste ano, foram julgados 26.954 processos na Justiça Federal do Tocantins (JFTO) – Seção Judiciária, em Palmas, e Subseções Judiciárias de Araguaína e de Gurupi. A produtividade mostra como está sendo executado o trabalho durante o período de plantão extraordinário – regime de trabalho remoto adotado como alternativa para conter os avanços da Covid-19. Os números foram coletados na última quinta-feira, 2 de julho. Segundo o diretor do foro da Seção Judiciária do Tocantins, juiz federal Eduardo de Melo Gama, mesmo com as restrições impostas pela pandemia do novo coronavírus, a JFTO conseguiu adotar meios para que a prestação jurisdicional fosse mantida com eficiência e celeridade. O relatório, disponível para consulta pública no site do Tribunal Regional da 1ª Região (TRF1), apresenta o somatório de julgamentos (5.400 processos), decisões (9.391) e despachos (12.036). Além do número de julgamento de processos, foram realizadas 224.429 movimentações processuais neste período.  Retorno dos atendimentos presenciais Conforme a Portaria SJTO-DIREF – 10477164, pulgada na última terça-feira, 30 de junho, os serviços das unidades judiciais e administrativas da Justiça Federal no Tocantins (JFTO) deverão retornar de forma gradativa a partir do dia 3 de agosto. Até lá, magistrados, servidores, prestadores de serviço e estagiários vão continuar desempenhando as atividades no formato do trabalho remoto.  Fonte: Ascom SJTO  Assessoria de Comunicação Social  Tribunal Regional Federal da 1ª Região  
03/07/2020 (00:00)
© 2020 Todos os direitos reservados - Certificado e desenvolvido pelo PROMAD - Programa Nacional de Modernização da Advocacia